Resenha Traços | Eduardo Cilto

Traços
Eduardo Cilto
Editora Outro Planeta
Livro cedido pela autora
Avaliação: 2/5
Onde comprar: Lojas virtuais

Pela primeira vez na vida Matheus está indo a uma festa como um adolescente normal, não que ele seja esquisito ou um nerd, ele apenas não era muito sociável, e preferia ficar em casa, mas com muita insistência da sua amiga Beatriz ele decide ir.

Matheus nutre uma paixão pela sua única e melhor amiga, mas ela não se dá conta desse sentimento, por eles serem melhores amigos desde sempre.
Beatriz é filha de advogados e tem uma educação muito rígida, com isso ela sempre teve dificuldades por conta da pressão psicológica que seus pais impunham nela e Matheus sempre a ajudava nos estudos, mas ela estava agindo estranho demais, e Matheus não sabia o que era.


O motivo pelo qual Beatriz anda estranha é que ela deseja saber se o seu destino já foi traçado e o que a esperava no futuro, ela simplesmente não se encaixava e estava cansada de viver sua vidinha naquela cidadezinha do interior, e com isso ela decide sair da festa e ir até a casa de uma amiga chamada Fernanda que se diz ter "poderes" para ter conhecimento do seu destino, levando Matheus consigo.

“-Está procurando a resposta de maneira errada – Fernanda balbuciou, tomando o controle de seu corpo e saindo dos braços do namorado para se aproximar de Beatriz. – Está longe, muito longe de encontrar o que quer. – ela fez uma pausa. – Existe uma estrada a seguir, um coração a afundar e um desejo a cumprir! Afaste-se e veja a verdade. Trace seu caminho. ”

O que Matheus não esperava era que Beatriz acreditaria fielmente a cada palavra dita pela sua amiga. Beatriz surge com a ideia de fugir da sua cidadezinha e ir até São Paulo encontrar um garoto que tem um canal no YouTube, que ela acreditava que ser a resposta para que ela se encontrasse e traçasse seu destino.

Confesso para vocês que de todas as decepções literárias esse livro foi o que ganhou em disparada, mas antes de tudo quero deixar frisado que a escrita do autor é boa, percebe-se por cada detalhe do livro por cada descrição e diálogo e que eu gosto do seu canal no YouTube, mas infelizmente não gostei do livro.

O Matheus é um personagem com tantas mais tantas personalidades diferentes e desconexas que deixou o personagem irreal, era como se ele fosse várias pessoas em um personagem só. Nem o romance entre os personagens me atraiu, a Beatriz é infantil e egoísta, ela tem todo um perfil para ser uma personagem no qual de cara atrairia o leitor, mas a sua personalidade fez com que eu não tivesse afinidade alguma com a personagem, e o motivo dela ir até São Paulo até dá para entender, mas não é um motivo tão bom assim, já o motivo do Matheus, bem não encontrei motivo para ele ir a não ser o “amor” que ele sente por Beatriz, no livro tem algumas cenas contraditórias, em um momento o autor diz que o personagem sabe de algo e depois ele não sabe mais, e isso me deixou bem confusa, eu voltei algumas páginas para saber se não havia lido errado, mas não foi bem assim.

O livro trata de temas do dia a dia de adolescentes e problemas de aceitação isso em conjunto com a escrita do autor foi o que me fez dar duas estrelas para o livro, o livro não é de todo ruim, o final é bom, mas faltou uma construção melhor na história.

Eu simplesmente amo a diagramação da Editora, é linda e detalhista, a capa é o que mais atrai no livro, eu amei essa capa e fiquei babando na arte!

Eu leria sim novamente um novo livro do autor, pois ele tem talento, apenas precisa aprimorar e amadurecer a história do livro.