Resenha Mentiras que Confortam

Lançamento Novo Conceito/ 2015-Julho
Se você está procurando um livro fantasiado, com finais felizes, casais apaixonados sem brigas e problemas, esse livro não é o certo pra você.
Achei a sinopse bem fraquinha e não tinha me instigado a ler, mais quando comecei a leitura fiquei fascina.

Tia é uma garota que tem 23 anos, apaixonada e romântica, tem um caso com Nathan um professor que é um homem casado e tem dois filhos, ele sempre dizia que nunca abandonaria sua família. Porém um belo dia Tia descobre que está gravida de Nathan, ele a aconselha a abortar a criança e acaba de uma vez por todas com isso. Essa foi a palavra final dele, Tia não queria abortar mais não queria ficar com uma criança que sempre lembraria o homem que ela amou e nunca pode ter.

“Ela não seria capaz de contar a verdade: ficar com Honnor a deixaria presa a Nathan para sempre, e isso daria liberdade para que Tia ligasse para ele, o encontrasse, e então perdesse novamente. Centenas de vezes ao dia, teria olhado para Honnor e pensado em Nathan – Nathan, que morava com a mulher e dois filhos. Ela se recusava a sobrecarregar a filha com a sua própria saudade. Não queria ver a filha desejar um pai, como ela ainda desejava.”


Depois... Após o nascimento da sua filha que foi pouco dias após a morte da sua mãe que lutava contra o câncer, ela já tinha a família escolhida para adotar a sua filha Caroline e Peter. Tia começou a se arrepender da sua decisão e anos depois recebendo fotos da sua filha ela sentia saudade. Saudade de algo que ela se desfez e nunca seria recuperado, ela só podia esperar que a filha completasse 18 anos e a procurasse para saber toda a verdade.

Juliette é uma mulher que trabalha com cosméticos, dar uma autoconfiança a mulheres que precisavam, o que ela não conseguia é ela mesma ter autoconfiança, mãe de duas crianças e esposa de Nathan, faz de tudo para que seus filhos estejam bem e tenham o melhor. A relação dela com seu esposo, seria invejável aos olhos de alguém de fora, mas a verdade é que seu marido a traiu e engravidou uma mulher. Juliette não sabia disso, um belo dia seu marido a conta que teve um caso...
Juliette nunca poderia imaginar que seu marido seria capaz de trai-la, mais ela o perdoa, após cinco anos ela descobre que teve um fruto de todo aquele caso, uma menina chama Savannah que hoje tem cinco anos e ele não a contou. Toda dor, toda mágoa vem à tona. E Juliette precisa tomar uma decisão, sua família não é mais a mesma, ela sabe disso.

Caroline esposa de Peter, é uma mulher decidida uma excelente profissional, que tem uma vida estável, e está satisfeita como anda sua vida. A sua relação com seu esposo é de dar inveja em qualquer casal. Peter seu esposo tem problemas no esperma e por isso Carol não havia engravidado ainda. Mas ela estava satisfeita com isso, ela não se via sendo uma mãe. Peter chega um dia contente falando que as ações poderão melhorar que eles terão mais estabilidade ainda mais para ter um filho, e que já chegara a hora de adotar um filho. Carol sede e decide fazer a vontade do seu marido mesmo não querendo.

“Caroline não conseguia imaginar um homem melhor para aquela função, mas ela não se sentia atraída pela maternidade. Aquele entusiasmo em cuidar vinte e quatro horas por dia de uma criança não fazia parte dela.”

Depois... ela ainda tem toda uma dificuldade de ser mãe tudo caiu encima dela e ela não sabe lidar bem com isso, ela ama a sua filha a sua maneira. Só não achava que era o momento. Mas ela a ama.

Nathan não é bem o vilão da história. Se paramos para pensar a mentira é círculo vicioso que não tem fim, quanto mais tempo passa mais a pessoa se vê enrolada nessa mentira que só aumenta. Em momento nenhum eu cheguei a criticá-lo pois somos seres humanos e erramos, a minha maior tristeza com ele foi quando ele pediu para que Tia abortasse, aquilo me deixou sem chão, eu não imagino uma vida sendo interrompida dessa forma.

A trama é maravilhosa e um tapa na cara das pessoas que acham que mentir é a melhor solução, para encobrir a verdade. A verdade é que quando mais tempo passa, quanto mais acreditamos nas mentiras, quando descobrimos toda verdade e todo o tempo em que se foi enganada mais doloroso é.
Essa é uma história que está ai bem próxima a nossa realidade, espero que todos vejam o ponto de vista da autora nesse livro sobre como uma mentira pode confortar ali na hora, mais sabemos que nunca é verdadeiro, e que um dia quando tudo vier a tona, por que sempre vem não importa os anos. Será mais doloroso ainda.

11 comentários:

  1. Parece ser bem interessante, mas ainda não me deu vontade ler , quem sabe mais pra frente. haha

    ResponderExcluir
  2. caraca! tem cara de ter uma boa porcentagem de dramas pessoais e tal ,mas deve bastante interessante! deu vontade de ler ! vou pr na linha lista do skoob :)

    ResponderExcluir
  3. Uma história bem polêmica, cheia de drama, legal !!! :)
    Essa resenha tá de arrasar !!!
    Muito boa a escrita!!! :)

    ResponderExcluir
  4. Gostei bastante da resenha e fiquei bem curiosa . Este vai pra minha lista com certeza
    Parabéns pela resenha!
    Bjos

    ResponderExcluir
  5. A Novo Conceito está fazendo tanto marketing desse livro mas não despertou minha vontade de ler. Acho que é como você falou no começo da resenha, não é um livro certo pra mim!

    ResponderExcluir
  6. Esse livro tem tudo pra ser maravilhoso, história muito bem construída, parece que mexe completamente com o leitor, Quando li pela primeira vez a resenha dessa livro fiquei bastante curiosa, e agora quero ler ele ainda mais. Acho que o que acontece nesse livro, acontece muito em nossa sociedade, mentira entre casais, que no futuro te traz muita dor de cabeça.

    ResponderExcluir
  7. gostei bastante da resenha, agora entendi porque e como as vidas dos personagens estao interligados, pela sinopse nao dava pra saber isso, agora to mais que curiosa pra ler o livro e saber como vai ser o final dessa coisa toda.

    ResponderExcluir
  8. Primeira resenha que leio sobre esse livro e pelo que vejo ele é muito bom. É um retrato fiel de nossa realidade, pelo menos daqueles que decidem viver uma vida de mentira. Realmente eu gostei muito do que você apontou na resenha, espero ler esse livro logo, logo.

    bju

    ResponderExcluir
  9. Acheio diferente,quem sabe eu acabe lendo o por ser diferente só que sempre leio.

    ResponderExcluir
  10. O livro parece ter uma trama bem legal e uma lição de vida interessante, não me chamou muita atenção esse genero não é minha praia.

    ResponderExcluir

® Blog Thays M. De Lima - Layout por A Design