Resenha | Quase um Romance

Livro Quase um Romance
Autor(a) Megan Maxwell
Páginas 232
Editora Suma de Letras
Livro cedido pela editora
Classificação 4/5
Adicione no skoob!
Adquira já o seu: SaraivaFnac
  
  Quase um Romance é o terceiro livro da Megan Maxwell que leio, já li o Vai Sonhando! e o Desejo Concedido, que inclusive já resenhei aqui, e não é que eu estou gostando de todos <3

  Há 4 anos atrás, quando Rebecca estava saindo de seu trabalho e indo para o seu carro, ela começa a escutar um chorinho de cachorro e vai atrás do som para saber de onde vem, eis então que ela encontra uma linda filhotinha branquinha e pequenininha em baixo de uma caixa de pizza no estacionamento. Rebecca, de início, pensa em deixar o filhotinho onde estava, mas seu coração fala mais alto e ela decide levar a filhotinha para sua casa para que passe a noite lá, com a promessa de no dia seguinte ela ser entregue ao canil da região. Porém, em poucas horas, Rebecca se apaixona pela cachorrinha e decide adotá-la. E coloca o nome dela de Pizza, devido ao modo em que a encontrou. 4 anos depois e Rebecca não vive mais sem Pizza, no final, elas se tornaram grandes companheiras. Rebecca morava sozinha e Pizza chegou trazendo cor à sua vida.

“- Muito bem, pestinha. Agora preciso de um nome para você. Vamos ver... – disse, observando-a. – Dani! Gostou? Acho que não... Então... Greta? Lara? Luna? Também não. – Então Rebecca se lembrou de quando a viu pela primeira vez e começou a rir. Olhou bem em seus olhinhos, sorriu e decretou: - A partir de hoje, seu nome é Pizza.”

  É então que em um belo dia, quando Rebecca estava fazendo compras de natal, procurando algo de que seu irmão Kevin goste, até que enfim acha uma jaqueta que é a cara do seu irmão, o presente perfeito, não fosse por uma coisa: já tem um cara experimentando e querendo comprar a tal jaqueta. Rebecca então tenta convencer o cara , que por sinal é um tremendo de um gato, de que a jaqueta tem que ser do irmão dela. Rebecca com toda a sua insistência consegue levar a jaqueta e ainda tem uma troca de olhares com ele que, na verdade, é ninguém mais, ninguém menos que Paul Stone, um famoso campeão e piloto de Moto GP. Porém eles ficam só na troca de olhares e cada um segue o seu caminho.

  Eis então que eles voltam a se esbarrar, dessa vez Rebecca está acompanhada de Pizza e Paul de Lorena, sua filha de 4 anos. Lorena fica encantada por Pizza e sai correndo atrás dela, é aí que o caminho dos dois voltam a se cruzar. E, a partir desse encontro eles começam a construir uma amizade regada a segundas intenções, que, como sempre, não dá certo e o que era amizade começa a evoluir para algo mais.


“- A moto – explicou. – Queria você montada nela enquanto fazemos amor.
- Mas... eu nunca teria coragem de subir numa moto.
Ele riu.
- Nunca diga nunca.”

  Algo que me surpreendeu foi que depois de mais da metade do livro, a Megan criou um mega suspense em volta do irmão da Rebecca. Confesso que não esperava que surgiria um suspense no meio dessa história que estava seguindo a linha romance fofinho. O segredo do irmão dela acaba afetando o relacionamento de Rebecca e Paul e eles começam a se desentender e aí ficamos com um pouquinho de raiva dela porque nós queremos sim descobrir o que está acontecendo na vida de seu irmão mas ao mesmo tempo não queremos que ela e Paul se separem, e, por Rebecca estar arredia a se abrir sobre o assunto com ele, a relação dos dois está indo por água abaixo.

  Paul é um cara que mesmo sendo muito famoso e rico, é um cara super tranquilo. No passado ele passou por um perrengue com sua ex-mulher e mãe de sua filha, e, desde então, é ele quem a cria, ele sempre foi pai e mãe para Lorena e, por isso, também é um cara super maduro. Ele é o sonho de qualquer mulher, inclusive de Rebecca, que o está perdendo por bobeira. Eles terão de encontrar uma forma de ficarem juntos mas, para isso, Rebecca terá que jogar limpo. 

  Quase um Romance foi um livro super amorzinho e que, como já é de se esperar dos livros da Megan, também possui suas cenas para lá de quentes. Mais uma vez, Megan não me decepcionou, pelo contrário, foi uma leitura bastante leve e fluida, a minha única ressalva fica no desfecho do suspense que não conseguiu me convencer muito, mas como estava envolvida com o romance acabei não ligando muito para isso. Por fim, Quase um Romance na verdade não tem nada de quase, está mais para um completo perfeito romance <3


“- Lembra o dia em que nos conhecemos naquela loja?
Ela assentiu, feliz e sentimental.
- Como esqueceria? – respondeu ela, cheia de amor. – Foi o dia em que, sem saber, me apaixonei por você.”

11 comentários:

  1. Eu gostei da resenha, mas estou com um pé atrás, ja que li vários livros da autora que eu fui muita animada e acabei não gostando. Mas a autora também já me suprendeu com livros maravilhosos. E eu espero que esse livro seja um desses. Bjs Thais 😚

    ResponderExcluir
  2. Oi.
    Adorei a premissa do livro, apesar de ter achando tudo um pouco clichê.
    Gosto desses romances fofos e tudo mais, eu também confesso que me surpreende em saber que tem suspense nesse livro, e não poderia deixar de conferir, espero gostar.
    Boa Tarde.

    ResponderExcluir
  3. A cada resenha, um livro novo a minha lista para ler.
    Porém esse tem prioridade, é da Megan kkkk' próximo a comprar é ele, linda a resenha... parabéns

    ResponderExcluir
  4. Amo livro com bichinhos,cachorrinhos então são os meus preferidos.Bem divertida a forma que os protagonistas se conhecem, através de uma jaqueta,rsrsrs...Fiquei curiosa com relação ao segredo do irmão da Rebecca e de que forma vai afetar o seu romance com Paul.Legal o protagonista ter uma filha e ser pai e mãe para ela.Amo livros de romances leves e fluidos.😘❤

    ResponderExcluir
  5. Fiquei curiosa com essa resenha. Eu já li alguns livros da autora, então quero que esse livro me surpreender.

    ResponderExcluir
  6. Gente, que livro mais amorzinho!
    Amo animais e tenho uma cadelinha, não tenho dúvidas que vou adorar esse livro.
    E saber que além do romance tem um suspense aí no meio só me deixou mais intrigada.
    Adorei os quotes. Já adicionei a lista de leituras do ano.

    ResponderExcluir
  7. Eu amo a Megan, simplesmente amo essa mulher e cada coisa que ela escreve, ela seria uma autora que eu leria até a lista de compras dela.

    ResponderExcluir
  8. Só li um livro dessa autora e fui muito infeliz na escolha. Não deu vontade de pegar mais nada dela. Mas vi que lançaram uns romances mais interessastes recentemente e acho que me daria melhor com esses livros se tentasse ler. Romance fofinho é mais minha praia do que o que peguei dela. E tem até suspense no meio desse? Aí fica interessante. Acho que iria gostar bem mais.
    Talvez acabe dando uma nova chance pra essa autora.

    ResponderExcluir
  9. Ja li alguns livros da megan e se esse for tão bom quanto eles acho que vai valer a pena eu ler

    ResponderExcluir
  10. Oi Bruna, tudo bem?
    Ah essas amizades com segundas intenções nos garantem muitos suspiros e algumas risadas. Eu adorei a escolha do nome da cachorrinha. E claro que o boy tinha que ser mega gato né hehehe.
    Estou ansiosa para ler o livro.
    Beijos
    [SORTEIO] Aniversário de 1 Ano: Livro - Perdida
    Quanto Mais Livros Melhor

    ResponderExcluir
  11. Oi Bruna,
    Gosto muito da escrita da Megan, pois ela é uma autora que sabe criar personagens cativantes e desenvolver histórias muito envolventes. Quase um romance trás uma promessa de um romance leve e super fofo, então fiquei surpresa quando você citou em sua resenha o surgimento de um suspense no livro. Gosto de suspense, mas nem sempre eles são a melhor escolha em uma história. Espero fazer a leitura deste romance e gostar de todos os elementos que Megan colocou na trama!!

    ResponderExcluir

® Blog Thays M. De Lima - Layout por A Design