Resenha | Não é só uma história de amor

Livro Não é só uma história de amor
Autor(a) Mariana Sampaio
Páginas 208
Editora Planeta
Livro cedido pela editora
Classificação 2/5
Adicione no skoob!
Adquira já o seu: SaraivaSubmarino
  
  Não é só uma história de amor é a primeira obra de Mariana Sampaio, muito conhecida por suas fotos no Instagram e seu canal no YouTube. Esse é o meu primeiro contato com livros de youtubers e confesso que não conhecia essa autora, vim a conhecê-la agora que tive a oportunidade de ler seu livro. O que
de cara chamou a minha atenção no livro foi ter lido a recomendação da Bianca Briones, autora que eu morro de amores <3 Então, entrei de coração aberto na história.

  O livro tem a sua história intercalada entre a vida de duas mulheres: Claudia e Laura, que são mãe e filha, respectivamente. Sendo, a narrativa da Laura no presente e a narrativa da Claudia no passado, quando ela era ainda uma adolescente.

  Laura tem 25 anos, trabalha em uma emissora de TV e mora sozinha em Guarulhos, SP. Mesmo após terminar sua faculdade, conseguir um bom emprego, sair da casa de seus pais e conquistar sua tão sonhada independencia, Laura não está satisfeita com sua atual situação. Ela sente que ainda não se encontrou. Seu grande desejo é se tornar uma famosa DJ. Isso mesmo, totalmente diferente de sua atual profissão. 

  Ela nasceu e foi criada em uma cidadezinha no interior de São Paulo, chamada Santa Rita do Pinhal, onde seus pais vivem até hoje. Laura saiu de lá a procura de abrir seus horizontes, ela não se via morando em uma cidade parada como aquela e, por isso, sempre adia visitar seus pais. 

  Laura passa a maior parte de seu tempo com seu melhor amigo desde a infância e colega de trabalho, Beto. Que, diferentemente da amiga, está bastante empolgado com o seu emprego pois foi promovido para o quadro do tempo da emissora. Porém, no dia de sua estréia tudo dá errado.

  Enquanto Laura levava Beto até a emissora, eles acabam sofrendo um acidente devido a Laura estar dirigindo enquanto falava ao telefone. Felizmente, eles não se machucaram. E, após discutirem com o motorista do outro carro, tudo se "resolve". Como se não bastasse isso, Beto ainda sofre um boicote de uma colega de trabalho e falha em sua estréia.

  É então que após Laura ter uma séria conversa com sua mãe e após saber que talvez seu pai, na verdade, pode não ser o seu verdadeiro pai, ela convida Beto para viajar o mundo ao seu lado, para espairecer e se encontrar. Beto aceita e vai com a amiga, lá ele começa a gravar vídeos para o YouTube e Laura finalmente coloca o seu grande sonho em prática e começa a tocar em diversas festas e boates como DJ.


“A vida é muito curta pra gente ser uma coisa só. Eu tô tentando me achar, mas de uma coisa eu tenho certeza: eu vim ao mundo para celebrar! E por onde eu for, quero que as pessoas celebrem comigo!”

  Contrariando tudo e a todos, Laura encontra em uma de suas apresentações o cara mal-humorado que conheceu no dia do acidente, mas hoje ele está diferente: a arrogância não está presente e Laura enxerga nele um lindo rapaz. Eles acabam se envolvendo e passam a noite juntos. Porém, no dia seguinte ele simplesmente some, deixando apenas um bilhete para Laura.

  Ela fica louca e até tenta ir atrás dele, mas ele sumiu do mapa e não deixou nenhum rastro. Laura fica meio mal e acaba ficando um pouco desanimada com tudo e com saudades de sua casa. Ela e Beto então voltam para o Brasil, afinal Laura ainda tem um assunto mal resolvido: será seu pai Pedro, seu real pai?

  Laura não se vê pronta para descobrir a verdade sobre sua origem e tenta fugir ao máximo, mas às vezes o passado bate a porta e é preciso encará-lo.

  Em paralelo à história de Laura, também acompanhamos o passado de sua mãe Claudia no auge de sua adolescência, onde se via dividida entre o músico Renato e o certinho Pedro.

  A história então se desenrola com esses três acontecimentos: a procura de Laura atrás de sua felicidade, quem é o verdadeiro pai dela e a também procura dela por Junior, o mal-humorado misterioso.

  Infelizmente, o livro não conseguiu me conquistar. Achei a história bastante rasa e ficou difícil de acreditar nos acontecimentos que eram descritos. Também tive problemas com os diálogos pois não me pareciam reais, muitas das vezes até forçado. Por fim, acabei me decepcionando, inclusive com a relação entre a mãe e a filha, entre o passado e o presente, que tanto prometia e no final acabei não encontrando essa grande ligação que o livro prometia. 


“A gente tem de tudo um pouco. Alegria, tristeza, esperança, medo, rancor, generosidade. Às vezes é mais fácil cultivar nosso lado negativo. Mas eu insisto na alegria porque sou teimosa. A alegria é transgressora.” 

11 comentários:

  1. Achei a capa muito linda mas não sei se vou dar uma chance.

    ResponderExcluir
  2. Conheço essa autora da revista Capricho.
    O livro não me interessou, mas acho muito legal livros que se passam no Brasil.

    ResponderExcluir
  3. Legal a narrativa ser intercalada no passado e no presente.Achei bem peculiar o sonho da protagonista em ser DJ.Fiquei com pena do Beto,quanta falta de sorte em um só dia.Legal a viagem de Laura e Beto,gostei de saber que ela consegue realizar seu sonho e Beto mostra o seu talento também.Gostei de saber que é narrada a história de Cláudia, mãe de Laura que teve seu coração divido.Pena que o livro seja raso,tinha todos os elementos para uma boa história.😘❤

    ResponderExcluir
  4. Oi.
    Adorei a premissa até certo ponto, mas mesmo na resenha achei tudo um absurdo que não me conquistou não, adorei a capa mas não leria, achei a relação entre mãe e filha um pouco sem sentido, por que só agora contar que seu pai pode não ser seu verdeiro pai?, enfim não curtir muito não, mas gostei do sonho dela como trabalho ser um tanto que peculiar.
    Bjs.

    ResponderExcluir
  5. Oi Bruna,
    A sinopse não me atraiu. Achei que tem muitos "clichês" para um único livro e isso torna a história forçada e pouco explorada. Também não conheço a autora, mas sendo este seu primeiro livro, imagino que muitas questões que não foram bem desenvolvidas nesta história possam ser melhor exploradas em livros futuros!!

    ResponderExcluir
  6. Muito legal uma história que se passa no Brasil. *o*
    Precisamos valorizar mais nossa cultura, amei a capa. ><
    Quem sabe algum dia dou uma chance a ele.
    Bjs

    www.jayhanadenardi.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  7. Não acho que conheço essa autora por canal e coisa assim. Talvez já tenha visto e nem saiba. Minha irmã adora ver coisas de youtubers, então quem sabe...
    Mas achei a premissa interessante. Pela ideia da história parece legal. Só é uma pena que não tenha uma execução muito boa =/
    É chato ler livros que a gente não consegue se conectar ou acreditar muito na história...

    ResponderExcluir
  8. A capa é linda, que chamou minha atenção e acho que vou dar uma oportunidade a ele.

    ResponderExcluir
  9. Oi Bruna, tudo bem?
    Eu não conheço o trabalho dessa autora, seja por meio do livro ou dos vídeos. Que pena que a história pareceu forçada né. Enquanto eu lia sua resenha estava achando a trama bem legalzinha, mas fiquei desanimada para ler agora. As vezes isso aconteceu por ser o primeiro livro dela e quem sabe se ela lançar outros, melhore nesse quesito.
    Beijokas
    [SORTEIO]Baile Literário
    Quanto Mais Livros Melhor

    ResponderExcluir
  10. achei a capa linda,mas não sei se leria ,não é muito meu estilo de leitura.

    ResponderExcluir
  11. Não conhecia essa autora, talvez ela tenha se enrolado um pouco, quem sabe nos próximos trabalho melhore..

    ResponderExcluir

® Blog Thays M. De Lima - Layout por A Design